Tag Archives: natalie portman

Oscar 2012: Atrizes prediletas no Tapete vermelho

27 fev

Parece que mais mulheres tem o acessório perfeito, não é mesmo gente, e uma delas é a Angelina Jolie, que mega sexy, com Brad Pitt mega elegante, arrasou no look!

Meryl Streep

Meryl é incostestavelmente uma musa, e toda de dourado, ela está linda  vestida de Lanvin.

Penélope Cruz

Penélope foi de Armani Privé, estilo princesa,  eu gostei, nada ousado, mas bonito! Tem gente que disse que é uma receita para o desastre, vai saber, gosto é gosto e não se discute!

Cameron Diaz

Vestida de  Gucci, faltou uma corzinha no look, para dar aquela cara californian girl característica dela, mas tá linda como sempre!

Natalie Portman bem lindinha de Dior Vintage (1954), gostei da cor, mas esperava mais dela!

Sandra Bullock

Bullock e mais um Marchesa no red carpet, Make inspiradora!

 

 

Anúncios

Estilo: Indie

31 jan

Meu estilo preferido de músicas, também inspira muita gente a se vestir. O Indie (vulgo estilo independente), já foi citado aqui algumas vezes ao mostrar musas dessa vertente da moda como Florence Welch e Alison “VV” Mosshart. O Indie é um estilo de vida na verdade, assim como outros jeitos de se viver, esse também tem suas filosofias e existe Arte Indie, Cinema Indie e tudo o mais Indie.

Você pode reparar que neste estilo tudo parece mais relaxado, parece que as garotas puseram qualquer coisa que viram pela frente e sairam, mas não se engane, é tudo premeditado! Garota Indie que se preze ama roupa que dê conforto, adora combinar t-shirts de bandas, cults ou humor com roupas mais femininas como saias ou shortinhos. Adora acessórios, principalmente óculos escuros e chapéus. E não dispensa uma calça skinny!

Mistura o Vintage com o moderno, o Geek com o Rocker. O Blazer é a peça chave tanto das gurias quanto dos guris.

Garotas que gostam de se vestir com este estilo normalmente tem bastante personalidade e não se importam com o que os outros vão achar das combinações, seguram o look legal. Adoram sapatos rasteiros, como as melissas, all stars e botinhas.

No estilo Indie não podem faltar acessórios: pulseiras, maxianéis, headbands, laços no cabelo, tudo vale desde que esteja dentro dos padrões. Amam pulseiras e brincos de penas e contas, tudo que dê um ar artesanal ao look.

Mayana Moura, Nina Becker e Marina Franco compõem a banda Indie brasileira "Glass and Glue"

Katie White da Banda "The Ting Tings"

E é assim mesmo, meio bohemian que eles vão vivendo! As gurias preferem cabelos compridos e ao natural, com leve ondulação, mas há as que amam franjas, marca registrada da Indie girl.

CSS

Florence Welch no Rio de Janeiro semana passada

 

Espero que tenham aprovado esse gostinho Indie que vos dei! beijos gurias e se cuidem!

Banda preferida: The Kooks

 

 

Mania de Pipoca: Sexo sem Compromisso

10 abr

A dica de hoje é um filme que está em cartaz no Brasil todo, e é ótimo  para ir curtir com as amigas ou o namorado (marido) neste domingão, ainda mais se sua região estiver nublada como a minha, e estiver começando o friozinho!

Natalie Portman é Emma, uma estudante de medicina, que não é chegada em relacionamentos, mas gosta muito de sexo. Seu parceiro na empreitada é o caçador-de-relacionamentos-sérios Adam (Kutcher), assistente de uma produção barata de uma TV inexpressiva que se julga sem sorte no amor, talvez porque descobre que sua ex-namorada o trocou pelo pai desmiolado.

E só por aí você já vê a confusão que esta história pode dar, principalmente no coração de Adam.

Os dois vem tendo encontros inocentes pela vida toda, perpetuados pelo destino. Um sempre está ocupado com trabalho, namoricos, e eles nunca ficam juntos. Até que um dia, a tensão sexual que há entre os dois finalmente é consumida e eles fazem um pacto de que as relações sexuais dos dois não vão atrapalhar sua amizade. Claro que você já sabe que isso não vai dar certo.

Claro que é um assunto sempre abordado em filmes, o sexo casual, sem sentimentos envolvidos, mas é um filme divertido, descontraído, para relaxar. Um filme em que retrata bem a época em que vivemos, em que as mulheres tentam de toda forma não se envolver para não se machucar, seja por traumas familiares ou de sua própria vida amorosa passada anteriormente.

E o filme faz a pergunta, será que conseguimos apenas transar sem compromisso? Ou não? Fica no ar. Para cada casal há uma resposta com certeza. e para cada individuo também.

Beijinhos, Beijinhos

Vivi B.